O Jornal

Tiragem: 15 mil exemplares mensais.

Distribuição: Anchieta, Cruzeiro, Sion, Mangabeiras, Carmo e Comiteco.

Linha editorial: jornalismo cívico, com especial atenção para os interesses das pessoas inseridas na área de circulação.

Formato: impressão colorida em papel jornal, tabloide 350 (250 x 350)mm, padrão Sempre Editora/Jornal O Tempo.

Para mais informações comerciais e editoriais, envie um email para jornal@comunidadeativa.jor.br ou ligue (31)98591 8885.

Sobre o jornal

O jornal Comunidade Ativa foi criado no final dos anos 1990 como um informativo institucional da Associação dos Moradores do Bairro Anchieta (Amoran), na Região Centro Sul de Belo Horizonte (MG). Em 2005, deixou de ser publicado, permanecendo inativo por dois anos.

Em 2007, a publicação foi reiniciada, sob uma nova linha editorial. Sem abandonar a função de dar visibilidade às ações da Amoran, o Comunidade Ativa ampliou a linha editorial, a fim de atender de maneira mais apropriada aos interesses de todas as pessoas que moram, trabalham, têm negócios, estudam ou que frequentam regularmente o bairro Anchieta e os demais bairros vizinhos.

Com isso, adotando os princípios do jornalismo cívico, o jornal criou novas editorias e passou a também abordar as temáticas relativas à segurança pública, ao meio ambiente, à saúde e à qualidade de vida, à cultura e ao lazer, entre outras que são de interesse direto do público ao qual se destina.

Ao mesmo tempo, buscando beneficiar maior número de leitores, a tiragem inicial que era de 10 mil exemplares e cuja distribuição se restringia ao Anchieta e a algumas ruas dos bairros vizinhos Cruzeiro e Sion, foi ampliada para 15 mil exemplares. Assim, o jornal passou a atender integralmente aos bairros Anchieta, Cruzeiro, Carmo, Comiteco e Maganbeiras e também a grande parte do Sion.

O projeto editorial também foi modificado. Com isso, o que incialmente era um boletim informativo, impresso em duas cores em gráfica plana, com oito páginas, passou a configurar um verdadeiro jornal, em formato tabloide, colorido, com 12 páginas.

Desde a retomada, o Comunidade Ativa se mantém sob a responsabilidade editorial do jornalista Carlos Alberto Rocha, diretor da Síntese Comunicação e Marketing.

Mantendo o compromisso de fazer a representatividade institucional da Amoran, à qual é associado, a fim de atender a questões administrativas, financeiras e contábeis, em 2015, o controle do jornal foi transferido para a Síntese, sem perder o compromisso com o jornalismo cívico, que é a marca registrada da publicação.